Skip to content

Rourke is the new freak

fevereiro 17, 2011

 

Meu novo ator preferido é Mickey Rourke. Primeiro pelo ótimo  papel no filme Homem de Ferro 2 (para mim melhor que o primeiro), em que ele fazia o vilão Ivan Vanko/Chicote Negro (Whiplash), um engenheiro (gênio) russo cheio de tattoos que se revoltava ao apreenderem sua calopsita (ou outro pássaro da mesma família, não sei nada sobre aves)  de estimação. De poucas palavras, rústico e ácido, me identifiquei muito com o personagem:

 

 

 

Ivan Vanko:  – Eu quero meu pássaro!

 

 

O mérito da atuação vai para  Mickey Rourke, ele mesmo uma figura que abriu mão da pinta de galã pelo rosto amassado no boxe (Porquê isso assusta tanto os outros, devemos ser lindos e maravilhosos eternamente?! Muitos fazem isso com auxílio de plásticas rejuvenescedoras e não lutas). Para mim Rourke é freak supremo, tenho uma admiração por ele… E mérito do roteirista  Justin Theroux, que soube explorar a  personalidade excêntrica do Rourke nesse papel do “Homem de Ferro – 2”.  Você  lembra dele (Theroux)  no filme “As Panteras Detonando” (Charlie’s Angels 2: Full Throttle)?  Ele era o ex-namorado terrorista e street punk de Drew Barrymore (Dylan Sanders). A Dylan é minha “pantera” preferida no filme. O Justin Theroux saiu na segunda revista Inked nº 2 (aquela que tem a Mayana Moura na capa)  falando de suas tattoos e trabalho como roteirista.

 

 

 

 

Justin Theroux no filme “As Panteras 2”

 

 

Não é que o Mickey Rourke me surpreende novamente no filme “Os Mercenários” (The Expendables) ?!   Fiquei  com uma  “raivinha” do que o Stallone falou do Brasil.  Mas depois  esqueci,  gringo no geral  é bem ignorante quando trata-se de Brasil.  Peguei o filme só depois de ver o pôster  que o Rourke aparece com chapéu de cowboy,  foi o que me chamou atenção. Dei de cara com o moto clube dos “mercenários” do título, a chopper legalzona do Rourke e seu trabalho no filme, tatuador:

  

 

Acabando de desenhar um corvo em cima de uma caveira para o Stallone:

 

  

 

A caveira com o corvo também é o símbolo de “The Expendables”

 

 

 

 

 

Palavras de Mickey Rourke para Jason Stathan no filme:  – Você precisa fazer algo sexy, uma tattoo nessa careca com aranhas saindo dos ovos, caveiras talvez…aranhas descendo pelo pescoço.

 

 

 

Filminho fraco mas a atuação do Rourke + motocicletas + tattoos o tornam irresistível para quem gosta do universo chopper.

 

 

Anúncios
8 Comentários leave one →
  1. fevereiro 18, 2011 12:46 am

    Concordo plenamente com vc. O Rourke é feroz em interpretação. Acredito que é um ator underground por excelência. Cá entre nós, ele no Homem de Ferro foi arrazante. A frieza do personagem juntamente com as expressões faciais dele, indefinidas (ou seja, não demonstrando emoções que o personagem demonstra em certas ocasiões do filme). O cara que fez o Homem de Ferro, eu o achei um “prego”. Mas enfim, isto é Wollywood!!!! Parabéns pela lembrança deste grande artista. Poucos valorizam o belo do grotesco. Valeu!!!!

    FLuizM
    (KAbalah)

    • fevereiro 21, 2011 10:44 pm

      Robert Downey Jr é muito chato, vide o que ele fez com seu personagem em Sherlock Holmes: ele só interpreta ele mesmo, não tem diferença de um filme para outro. Agora, Rourke é Rourke, ainda bem que ele possui fãs como nós. Beijo!

  2. fevereiro 18, 2011 12:49 am

    OBS: O nome do pássaro chama-se Cracatoa, originária da Polinésia e em algumas ilhas das Antilhas. Valeu

    Saúde, Prosperidade e Vida Longa

    FLuizM
    (Kabalah)

  3. fevereiro 18, 2011 7:37 am

    Gostei do post.
    Também conheci ele no filme do Homem de Ferro, e adorei pelo personagem
    O personagem dele no Expendables também é um dos mais legais. Mas realmente o filme é fraquinho.
    Mas eu confundi, ele fez As Panteras?
    Eu adoro a Dylan também, porque ela tem mais um estilo rock’n’roll entre as Panteras.
    Beijos

    • fevereiro 21, 2011 10:49 pm

      Não, o Rourke não fez “As Panteras”. Estava falando do roteirista do “Homem de Ferro 2”, Justin Theroux. Da maneira que eu escrevi ficou meio dúbio mesmo, mas já retifiquei. Eu adoro a Dylan também, com aquelas camisetas hard rock dela. Mas o personagem da Cameron Diaz também é legal. Beijos! 🙂

  4. julho 23, 2012 1:25 am

    Os Mercenários) é um filme estadunidense de 2010, dirigido e estrelado por Sylvester Stallone, com roteiro de David Callaham. pra mim e omelho filme do mercenários…..

  5. Rui permalink
    janeiro 26, 2013 12:48 am

    Se é um filme fraquinho não existe nenhum bom.

    • fevereiro 24, 2013 1:56 pm

      Rui, acho que nesse gênero “fortões quebrando tudo”, o Máquina Mortífera, Duro de Matar, todos do Van Damme, Rambo e o Stallone Cobra saem na frente. A única coisa boa do filme é reunir todos os machos em um filme só, mas o enredo é muito fraco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Espaços Narrativos

memórias absorvidas por espaços, propagadas por pessoas

jimgoforthhorrorauthor

Horror author. Extreme metal fanatic. Husband. Father.

Não Sou Exposição

Questionamentos sobre imagem corporal, amor próprio, saúde e comida.

vamosparalondres

um autoguia para a minha viagem à capital britânica

A Virgem Boêmia

Entre palavras e cervejas

Dully Pepper24H

Arte pelo Amor, Arte pelo Mundo, Arte pela Paz!

REQUADRO

Just another WordPress.com site

Supernova de Estilos

Um espaço para arte, moda, música, textos e tudo o que for interessante e novo (ou vintage)!

blog da Revista Espaço Acadêmico

Revista Espaço Acadêmico, ISSN 1519-6186 – ANO XVII - Mensal. Conselho Editorial: Ana Patrícia Pires Nalesso, Angelo Priori, Antonio Ozaí da Silva, Carlos Serra, Eliel Machado, Elisa Zwick, Eva Paulino Bueno, Henrique Rattner (in memoriam), Josimar Priori, Luiz Alberto Vianna Moniz Bandeira, Marcelo Gruman, Paulo Cunha, Raymundo de Lima, Renato Nunes Bittencourt, Roberto Barbato Jr., Rogério Cunha de Castro, Rosângela Praxedes e Walter Praxedes. Editor: Antonio Ozaí da Silva

palavrasecoisas.wordpress.com/

Comunicação, Subculturas. Redes Sociais. Música Digital. Sci-fi

Felinne Criações

Bastidores dos trabalhos, projetos, e vida Felinne ;)

Drunkwookieblog

Porque esperar pelo G.R.R Martin não dá

Lembrar ou Esquecer?

Depois de um tempo...

A CASA DE VIDRO.COM

Portal Cultural & Livraria Virtual. Plugando consciências no amplificador! Um projeto de Eduardo Carli de Moraes.

%d blogueiros gostam disto: